I always liked you.

boy-coffee-couple-couples-Favim.com-726676

Sempre gostei da forma como você me acalmava com gestos, sem dizer uma única palavra, era uma forma silenciosa de mostrar que independente da tempestade, eu ainda teria meu porto seguro, esperando para me abrigar protegida até que todo caos já tivesse ido embora. E eu me sentia mais segura só por ser você ali, segurando a minha mão entre as suas. Sempre gostei da forma como você me olhava dentro dos olhos para conversar, sem importar o teor da conversa, fazíamos nossa lista de compras do supermercado olho no olho, e até as coisas mais banais, se tornavam grandiosas por ter você ali, dividindo a banalidade do dia a dia comigo. Sempre gostei do seu exagero ao usar o próprio perfume, e de como toda a casa em segundos já cheirava a você, da briga eterna entre a memória e a lavanderia, onde eu deixava minhas roupas perderem seu perfume naturalmente, para só depois lavar cada peça. Sempre gostei das ligações de fim de tarde, até nos dias ruins em que mesmo torcendo nariz eu te atendia, e terminava sorrindo por alguma das suas besteiras secretamente ensaiadas só para me animar.

Sempre gostei da sua simpatia com estranhos, da facilidade de fazer amizades e tornar cada lugar um pouco mais aconchegante, era como ver meu oposto ganhando terreno, como ver você zombando das nossas diferenças, mostrando que não se importava nem um pouco se a sua garota fosse um tanto antipática afinal. Sempre gostei da forma como você dirigia, olhos fixos na estrada e mãos que vez ou outra tateavam o espaço a procura das minhas, seria engraçado poder rever todos os meus sorrisos de orgulho, por ser eu ali do seu lado, mais uma vez. Sempre gostei da forma como você me inclua nos seus planos, de te ouvir falando nós na maioria dos relatos, me fazendo sentir parte da sua vida num simples plural de frases que fazia todo o sentido, pelo menos para mim. Sempre gostei do “minha” que você falava ao se referir a mim, mesmo sabendo que só sou posse de mim mesma e mais ninguém, eu me emprestava para você sem cobrar juros, sem receio de quão ultrajante soasse a nossa posse um do outro, afinal era assim que nos sentíamos, um do outro.

Sempre gostei do seu abraço apertado que não deixava brechas ou vazios, era difícil de soltar e quase impossível não mendigar por mais um ou dois no final, minutos conflituosos de sentimentos misturando-se entre si, deixar partir quem a gente quer fazer ficar, torna todo abraço uma despedida que não se quer assumir. Sempre gostei de ouvir os seus problemas e ajudar a procurar por luz em túneis completamente escuros e sombrios, eu me sentia forte ao puxar nossa lanterna e clarear respostas que nem nós dois acreditávamos que sempre estiveram ali, afinal. Sempre gostei do som grave da sua risada e de como ela fazia meu coração estremecer, era contagiante dividir o riso com você até mesmo nos dias mais improváveis ao riso. Sempre gostei da sua teimosia de insistir em ficar, mesmo quando eu te mandava ir embora, era irritante a forma como você parecia sempre saber, que toda palavra dita na hora da raiva não era meu coração falando, era só raiva mesmo. E que isso passa. E que você sempre teve a paciência de ficar e esperar passar.

Sempre gostei de quem eu era quando estava com você, sem precisar de disfarces de máscaras ou de textos ensaiados. Você me fazia ser de verdade, em um mundo cercado de pessoas de mentiras. Sempre gostei da nossa liberdade intocada, de como passávamos longe das amarras, de como dividíamos a paixão por tudo aquilo que não nos prende, mas que nos dá asas para alçar voos ainda maiores. E você sabe, como eu sempre, sempre, quis ter asas. Bom… acho que tive o meu par de asas afinal. Obrigada por ter sido você de verdade, sem cortes, sem filtros, sem edições. ❤

Anúncios

Diz aí que eu te escuto

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s