Enjoy your day, babe!

carro

Clique aqui, para ouvir All I Want – Kodaline. Enquanto lê! 🙂

Alô amor?

Faça as malas agora. Nós vamos partir. Sim, agora. Sem data marcada, sem hora para voltar, sem planos de viagem e hotéis confortáveis pré definidos para passar a noite. Vamos sair, a vida é tão curta e nós nos preocupamos tanto com o futuro que até esquecemos de viver o presente. Hey amor, o presente é agora. Sim… E é a única coisa que temos. Nós não temos o amanhã e aquele passado lá detrás?Bem, ele já não é mais nosso. Perdemos a tanto tempo, e parece que algumas vezes ainda insistimos em nos perder nele, nos perder em lembranças. Mas, hey amor. O tempo não volta, não há como rebobinar a fita por ter perdido a melhor parte da vida, ela simplesmente passou e você não tem como recuperar. Você ficou para trás. É… Eu sei. Sei que não é nada boa a sensação de estar de espectador da sua própria vida, vendo que aqueles seus sonhos, aqueles sabe? É, eles só ficaram no papel. Consumidos pela rotina. Consumidos pelos planos para um futuro que você nem sabe se vai ter um dia. Quem te deu a garantia de viver um dia ou dois a mais que hoje? Quem te disse que você ainda estará aqui no ano que vem? Ou daqui 40 anos? Ninguém disse isso. Porque ninguém tem as respostas.

Mas, hey amor. Eu tenho uma coisa para dizer: a vida é tão curta. Não se preocupe tanto com o dinheiro. Não se preocupe tanto em construir uma casa grande e moderna. Não se preocupe tanto em construir uma carreira que vai consumir aos poucos todo o seu tempo. Porque amor, o dinheiro é importante. Mas não pode ser a coisa mais importante. Ele compra muita coisa eu sei, mas ainda não inventaram moeda que compre o tempo. Só o que se sabe do tempo é que ele parece voar. Um voo sereno, silencioso e tão calmo, que tantas vezes nos passa despercebido. Quando paramos um pouco para recuperar o folego, é que percebemos que: ‘Opa, eu já tenho 20 e tantos’. E o que eu fiz? A vida é tão curta. O que você viveu até hoje? Que experiências você teve? Calma amor, não se desespere. Termine o seu café da manhã, prenda o cabelo com aquele laço vermelho que fica tão bem em você, e vai viver. Aproveite seu dia. E me desculpe o lado piegas, mas eu preciso dizer: aproveite como se fosse o último. Essa é a coisa mais verdadeira que você precisa saber.

Hey amor, está pronta? Vamos sair hoje a noite. Caminhar um pouco e ver as estrelas. Não, não tenha pressa de chegar, coloque seu calçado mais confortável. Vamos devagar. O destino é só mais um lugar cheio de pessoas bebendo e falando alto. É bacana eu sei e a música ambiente até é boa, mas desfrute disso também, sinta o vento convidativo da noite batendo no rosto. Veja como as luzes da cidade ofuscam um pouco as estrelas. Mas em hipótese alguma, tira delas a maestria. A beleza de uma noite estrelada. A vida é tão curta minha menina. Coloque os fones de ouvido. É… Quando aquele dia tiver sido só mais um dia difícil, coloque os fones e aumente o volume, naquela sua música preferida. O ritmo da vida é você quem faz. Não no sentido de passar mais rápido ou mais devagar, infelizmente isso não está no seu controle. Mas aquele ritmo que embala a vida, bem esse é você quem decide qual é a próxima da playlist.

Não amor. Não se preocupe tanto em acertar. Isso não faz diferença alguma no final. Os erros são desconfortáveis eu sei, e é horrível a sensação de derrota que a maioria deles traz consigo. Mas as vezes os erros são apenas uma pausa. É, um descanso, uma mudança de rota. Você vai chegar lá. Seja lá onde você queira chegar. Não evite os erros, aprenda com eles. Desfrute deles. Agradeça por ter errado, da mesma forma que agradece por todos os seus acertos. As pessoas não são feitas apenas de boas escolhas, as ruins também contam, na menor das hipóteses a melhor experiência. Hey amor, não se preocupe tanto em amadurecer. A medida que envelhecemos, perdemos mais do que a jovialidade da pele, perdemos também a jovialidade da alma. E uma alma jovial é tão bonita. Porque nos esquecemos disso? Porque ser tão sérios o tempo todo? Porque não fazer só de vez em quando, aquilo que mais temos vontade?

É… dance na chuva. Cante uma música brega no karaokê. Beba uma dose de tequila a mais, ou algumas a mais. Passe seu sábado de pijama e pantufas nos pés. Sim, pinte uma mecha do cabelo de lilás se sentir vontade. Sorria. Sorria para um estranho na rua e veja quantas pessoas te sorriem de volta. Se desafie mais. Não fique tão acomodada. Hey amor. Não se preocupe tanto em ter alguém para segurar a sua mão. As vezes é bom seguir uma parte do caminho sozinha, isso não quer dizer que será sempre só você. A vida é uma enorme caixa de surpresas. Pare de procurar. Pare de querer estar sempre no controle. Deixe a vida te surpreender. Não dramatize tanto a solidão. Desfrute da sua própria companhia. Agora. Faça as malas logo amor, vamos viver. Hoje é o nosso dia. O dia que temos para viver. Por isso, viva.

Tem que ir para o trabalho? Tudo bem. Então vá. Faça o seu melhor. Mas não deixe que o trabalho acabe roubando o melhor de você. Não se preocupe tanto. Não comece o dia com esses olhos tão tristes minha menina. Sorria, você ganhou mais um dia para viver. Um dia todo seu. Viva. Viaje. Leia um livro. Se apaixone por um personagem daquele filme, aquele romance todo açucarado. Chore. Seja intensa em cada minuto da sua vida. E nunca, nunca sinta vergonha ou pesar de ser quem é. Não inveje a vida do vizinho do lado ou do cara rico da tv. Agradeça mais e reclame menos. Ainda há tanto para aprender. Mas o principal é perceber que sendo você mesma, todos os dias, ainda assim é possível se redescobrir, todos os dias. Conhecer sempre uma coisa  a mais. Uma força a mais. Sobre você, em você. Enjoy your day! ❤

Anúncios

Diz aí que eu te escuto

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s